.

PAULÃO, RESPEITO AO SERVIDOR NÃO DEPENDE DE

publicada em 12/02/2020 00:00 por JESSELANIA ANDREZA SILVA DOS SANTOS SAMPAIO e atualizada em 03/03/2020 11:19 por JESSELANIA ANDREZA SILVA DOS SANTOS SAMPAIO

Nesta terça-feira (11/02), o Vereador Adriano Carvalho teria uma reunião junto com os servidores públicos e com o Prefeito de Laranjeiras, Paulo Hagenbeck, para discutir sobre o Plano de Cargo, Carreira e Vencimento (PCCV) do funcionalismo Municipal, onde os servidores entregariam uma proposta, e esperam nesse encontro uma contraproposta do Executivo, porém, o prefeito alegou uma "audiência" sequer marcada pela vara judicial do Município para justificar sua "ausência".

Direito do servidor, obrigação do gestor. Como em toda administração seria, no qual, por exemplo, destinar 1,5% do Orçamento para a qualificação do servidor, que compreende a atualização e aperfeiçoamento do seu ofício, para o melhor serviço junto a coletividade que o sustenta. Isso mais benefícios na área de saúde, como a contratação de um plano de saúde em parceria com o Município com adesão facultativa. E o que é mais importante nisso tudo, maior até que a progressão financeira do PCCV: levar o servidor à uma maior compreensão da sua importância e do seu papel social.

Compreensão que parece faltar ao maior de todos os servidores de Laranjeiras atualmente: o prefeito Paulão da Varzinhas, capaz de inventar "audiência" para fugir do lseu dever com os colaboradores municipais. Aliás, como vem fugindo de muitas outras demandas que afligem as comunidades de nossa histórica cidade

 

FONTE: JORNAL GAZETA DO COTINGUIBA

Compartilhar | Imprimir


Mais Fotos...

20 visualizações